AS ÁRVORES MORREM DE PÉ

27 Setembro 2014, 21H30

​AS ÁRVORES MORREM DE PÉ
BALLET TEATRO PAZ


O novo trabalho de Milagres Paz  establece um paralelo entre a morte física das árvores e a morte espiritual do Homem. Ambos se mantêm de pé, ora por dignidade, ora por destino, ora por simples desistência, ora por puro orgulho, ora por desilusão, ora por amor, ora por tristeza... 
mas sempre de pé.


"Firmes na sua permanência neste mundo que conhecemos, as árvores e os Homens complementam-se na sua existência."
 
                                                                              Milagres Paz

Partilhar evento