O Filme do Desassossego

27 February 2011, 17H30

É numa labiríntica e misteriosa cidade de Lisboa que se desenrola o Filme do Desassossego, realizado por João Botelho. Um filme tecido com fragmentos de um livro infinito e armadilhado, mas de genial claridade, o Livro do Desassossego, de Fernando Pessoa. Esta obra, composta por um ajudante de guarda-livros Bernardo Soares, está traduzida em 37 idiomas, sendo o livro mais lido e divulgado do poeta. Neste filme, Bernardo Soares é um homem contemporâneo, indecifrável do comum dos mortais, mas com a angústia e o tédio desesperado de um funcionário modesto, um homem que inventa sonhos e estabelece teorias sobre eles. Mas é a palavra o elemento fulcral deste projecto, onde o texto adquire uma sonoridade musical que marcará todo o filme.

O filme será apresentado por João Botelho e terá a presença do critico Jorge Leitão Ramos. 

Argumento e Realização João Botelho
Intérpretes Cláudio da Silva E Margarida Vila-Nova,
Ana Moreira, Alexandra Lencastre, Marcello Urgeghe,
Rita Blanco, Miguel Guilherme e Catarina Wallenstein

Música de Caetano Veloso, Carminho, Lula Pena, Ricardo Ribeiro
e Ópera “Marcha fúnebre para o rei Luís Segundo da Baviera”
de Eurico Carrapatos

Com Interpretação de Angélica Neto e Elsa Cortez
Produtor Alexandre Oliveira
Uma Produção de Ar de Filmes


Filme apoiado pelo Ministério da Cultura/ICA, Câmara Municipal de Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian e Rádio e Televisão de Portugal

 

Share event